Blog do Jota Parente

quinta-feira, fevereiro 07, 2019

Primeira reunião com o prefeito para tratar da Copa Ouro, ainda não resolveu nada

Resultado de imagem para foto da copa ouro, itaitubaA Copa Ouro 2019 continua indefinida, tanto feminina, quanto masculina.

Terminou há poucos minutos, a primeira reunião do presidente da FIFUSA, o professor Sérgio Pock, o coordenador da CONJUCEL, Miúdo e o prefeito Valmir Clímaco.
Depois de ouvir as colocações a respeito das duas competições, o prefeito disse, que
no momento a prefeitura não tem condições ajudar com repasse de recursos, porque existem contas a serem quitadas, as quais estão merecendo a prioridade da gestão.

Valmir não descartou a possibilidade de ajudar, tendo sido marcada uma nova reunião que deverá ocorrer no final do mês, provavelmente, no dia 28, quando ele dará a palavra final.

Sérgio Castro disse que, sem aporte financeiro da prefeitura, não tem Copa Ouro.

Nessa primeira reunião, o assunto foi Copa Ouro feminina. Ainda nem se falou de Copa Ouro masculina, que custa mais caro.

Pock vai aguardar a chegada do deputado Hilton Aguiar, com o qual vai conversar para saber da possibilidade de ele ajudar. Da mesma forma, deve manter contato com o primeiro secretário da Alepa, deputado Eraldo Pimenta, que mesmo sendo oposição ao governo passado, ajudou a Copa Ouro do próprio bolso.

A situação de Eraldo, hoje, é muito mais favorável, porque ele é governo e diretamente ligado ao presidente, Dr. Daniel, o que lhe dá muito mais condições de ajudar.

3 comentários:

  1. Parente, essa copa ouro de 2019 está pior do que novela da Globo. Pelo que observo, está mais para não sair.

    Diogo Marculino

    ResponderExcluir
  2. Já passou da hora dessas equipes que fazer a Copa Ouro terem condições de bancar sua participação na competição. Existem outras prioridades mais urgentes para o dinheiro público.

    Delson Lameira

    ResponderExcluir
  3. Para mim, já que se faz tanta coisa errada com o dinheiro público neste país, a prefeitura e os deputados devem ajudar para acontecer a Copa Ouro, porque a gente vive numa cidade pobre de diversão e com o esporte em baixa.

    José Maria Siqueira Borges

    ResponderExcluir